As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Instituto Natureza do Tocantins - naturatins.to.gov.br
25/03/2013
Oficina "To na APA" leva conhecimento e discute melhorias para a Unidade

Com a finalidade de levar informações, bem como buscar sugestões junto aos municípios mais distantes que compõe a APA/Lajeado - Área de Proteção Ambiental do Lajeado, a gerente e presidente do Conselho, Nazareth Sapondi vem promovendo a oficina "Tô" na APA. Os encontros, que reúnem representantes municipais e educadores, já ocorreram em Aparecida do Rio Negro, em 1o de março, e na última quinta-feira, 21, em Lajeado, e brevemente acontecerá em Tocantínia.

A proposta é, inicialmente, fazer uma apresentação da APA e do Parque Estadual do Lajeado, e juntos, por meio da formação de um grupo de trabalho, fazer um levantamento das dificuldades e sugestão de ações para o fortalecimento do Conselho, responsável pela gestão da Unidade.

Em Aparecida do Rio Negro, participaram os professores da rede pública municipal, enquanto em Lajeado, estiveram presentes representantes da câmara de vereadores e da prefeitura municipal. Dentre as discussões e dificuldades apontadas estavam a paralisação do conselho; as faltas de leis ambientais específicas, de conscientização rural e urbana; e de preparo de educadores para trabalhar em sala de aula; os desmatamentos às margens dos córregos, poluição do Balneário Ilha Verde, entre outras.

Depois de apontadas as problemáticas, o grupo de Lajeado buscou sugestões junto aos participantes, dentre as quais foram citadas a reativação do Conselho Municipal de Meio Ambiente e mudanças internas na legislação do Conselho; a reforma estrutural, a contratação de pessoal e a aquisição de equipamentos para a secretaria; promover trabalhos conjunto entre o conselho e comunidade para adequação e criação de leis ambientais, elaboração de uma política de levantamento, notificação e punição em parceria com órgãos ambientais; capacitações, treinamentos e criação do cargo de agente ambiental, entre outros.

A partir dessas sugestões, o grupo propôs uma moção das mesmas à câmara de vereadores para subsidiar a elaboração do Plano de gestão ambiental do Município.

Ainda sem uma data exata, o próximo encontro acontecerá em Tocantínia. Quanto à Capital, a gerente informou Palmas está mais envolvida no processo. "Estas oficinas é uma estratégia para que seja elaborado o Plano de Trabalho 2013, de forma que envolva os municípios abrangentes das unidades", enfatizou a gerente.

http://naturatins.to.gov.br/noticia/2013/3/25/oficina-to-na-apa-leva-con...