As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - http://www.icmbio.gov.br/
12/09/2016
Instituto promove curso sobre gestao

Cerca de 140 servidores participam de capacitação, na Acadebio, na Floresta Nacional de Ipanema (SP), sobre procedimentos operacionais do ICMBio

O presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Rômulo Mello, participou na sexta-feira (9) do encerramento do Curso em Gestão Operacional e Procedimentos Administrativos Institucionais voltados à Otimização do Atendimento às Demandas de Unidades de Conservação Federais e Centros de Pesquisa. O secretário-executivo do Ministério do Meio Ambiente (MMA), Marcelo Cruz, também esteve presente ao evento.

A capacitação ocorreu ao longo desta semana na Academia Nacional da Biodiversidade (ACADEBio), que fica dentro da Floresta Nacional de Ipanema, em São Paulo. Cerca de 140 servidores do ICMBio participaram do treinamento, que possibilitou às equipes administrativas o conhecimento das atividades finalísticas do órgão.
"Também sou da área meio e reconheço a importância desse trabalho e desse curso como uma parte do processo para obter os objetivos da atividade fim", afirmou o secretário-executivo do MMA.

Aniversário da Acadebio

A Acadebio comemorou, ao longo da semana de curso, sete anos de existência. O presidente do ICMBio, Rômulo Mello, e a diretora de Planejamento, Administração e Logística do ICMBio, Silvana Canuto, participaram da programação na academia, que contou com a inauguração da sala de estudos do espaço. Além disso, os participantes do treinamento fizeram o plantio de mudas na região.

O presidente Rômulo ressaltou a importância da Acadebio e disse que a unidade será revitalizada e ganhará novos investimentos durante a sua gestão. "A qualificação técnica, a capacitação dos servidores é fundamental para que o Instituto possa cumprir a sua missão institucional de gerir as unidades de conservação e proteger as espécies ameaçadas, garantindo um meio ambiente saudável para a sociedade brasileira".

No curso, foram realizadas atividades de campo e aulas sobre iniciativas transformadoras da gestão e sistemas de governo como planejamento estratégico, planejamento operacional, orçamento e finanças. Também foram abordados temas como gestão administrativa, licitação, contratos, concessão e receitas do ICMBio. Para isso, os participantes foram divididos em cinco grupos: comunicação, gestão socioambiental, pesquisa, proteção e uso público.

Saiba mais sobre a Flona

Criada no dia 20 de maio de 1992, a Floresta Nacional de Ipanema fica a 120km da cidade de São Paulo e abrange parte dos municípios de Iperó, Araçoiaba da Serra e Capela do Alto. A missão da Flona de Ipanema é proteger, conservar e restaurar os remanescentes de vegetação nativa do domínio de mata atlântica, especialmente o Morro Araçoiaba, e seus ambientes associados.

A unidade de conservação abriga 69 espécies de mamíferos, 343 espécies de aves, 27 espécies de répteis, 36 espécies de anfíbios e 37 espécies de peixes. A heterogeneidade ambiental da Floresta Nacional de Ipanema ganha maior importância por se situar numa área de tensão ecológica, entre Cerrado e Mata Atlântica.

A Flona também guarda testemunhos da história, com sítios arqueológicos anteriores à chegada dos colonizadores, que estão protegidos pela mata densa do Morro Araçoiaba, com grande diversidade mineral, sendo a magnetita o minério predominante e usado para a fabricação de ferro na Real Fábrica de Ferro São João de Ipanema, criada por D. João VI, em 1810. Era conhecida, no entanto, desde o século XVI, quando a expedição de Afonso Sardinha e seu filho resultou na construção de duas forjas, em 1589, reconhecidas pela Associação Mundial de Produtores de Aço como a primeira tentativa de fabricação de ferro em solo americano.

http://www.icmbio.gov.br/portal/ultimas-noticias/20-geral/8288-instituto...