As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

CEUC - www.ceuc.sds.am.gov.br
19/05/2010
Curso capacita novos gestores para Unidades de Conservacao da BR-319

Implementar as nove Unidades de Conservação estaduais, criadas para garantir uma barreira de proteção ambiental no entorno da rodovia BR-319, requer profissionais qualificados. Para isso, são necessários esforços de capacitação de pessoal. È nesse sentido, que o novo corpo técnico de gestores da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SDS) participa no período de 11 a 20 de maio, do Curso de Capacitação para Gestores das Unidades de Conservação, no Hotel Slass, em Manaus.

O curso é uma iniciativa da WWF-Brasil e IPÊ (Instituto de Pesquisas Ecológicas), com o objetivo de proporcionar aos participantes noções básicas e orientações para a gestão das UC, em que engloba planejamento, implementação, instrumentos de execução, sustentabilidade, monitoramento e avaliação.

Segundo Domingos Macedo, coordenador do CEUC, o curso orienta os gestores ao cumprimento dos programas de gestão das Unidades de Conservação. "A capacitação possibilita ainda, que os novos gestores tenham uma visão das questões sociais, naturais e ambientais relacionadas à realidade das UC", acrescenta o coordenador.

Durante os dez dias do curso, serão abordados temas como: legislação; políticas públicas; manejo sustentável de recursos florestais; participação comunitária; uso público em UC; plano de proteção de UC; educação ambiental; captação de recursos e sustentabilidade financeira; participação social na gestão de UC; gestão do conhecimento; ciclo de gestão adaptativa: planejamento e elaboração de planos de manejo e avaliação da efetividade de manejo e monitoramento da gestão.

Além dos noves gestores das UC do entorno da BR-319, participam também da capacitação, os gestores da RDS de Mamirauá e da RDS de Uatumã.

Unidades de Conservação da BR-319

A BR-319 é a principal rodovia que liga a Amazônia Ocidental ao Centro-Sul do país, com uma extensão total de 885 quilômetros. É a única via de acesso terrestre do Sul do Brasil para a capital do Amazonas - Manaus. Para assegurar a conservação e a implementação das nove Unidades de Conservação estaduais localizadas ao longo da rodovia, o Governo do Amazonas, por meio da SDS, firmou convênio com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

Os recursos serão destinados as ações de monitoramento ambiental, fiscalização e aquisição de equipamentos para a gestão das nove unidades, que são: Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Rio Amapá, RDS Piagaçu-Purus, RDS Igapó-Açú, RDS Matupiri, RDS do Rio Madeira, Parque Estadual (PAREST) Matupiri, Reserva Extrativista (RESEX) de Canutama, Floresta Estadual (FLOREST) Canutama e FLOREST Tapauá.

A lotação de servidores nas UC da BR-319 é uma condicionante básica para a implementação dessas áreas. Assim, a dotação por concurso e remuneração de pessoal nas Unidades foi considerada como as principais contrapartidas do órgão gestor estadual no processo de implementação, além de despesas de serviços correntes como água, luz, telefonia e comunicação.

http://www.ceuc.sds.am.gov.br/component/content/article/39-newsuc/244-cu...