As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - http://www.icmbio.gov.br/
24/05/2016
Ate chegar ao Rio, tocha passara por 12 UCs

Três já receberam a chama. Faltam nove. Inclusão das unidades de conservação na rota do fogo olímpico demonstra que elas são reconhecidas e valorizadas pela sociedade brasileira

Até chegar ao Rio de Janeiro, no dia 4 de agosto, para a solenidade de abertura das Olimpíadas, a tocha olímpica, que segue no revezamento por 329 cidades em todo o País, terá passado por 12 unidades de conservação (UCs) geridas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Do início do revezamento, no dia 3 de maio, até esta terça-feira (24), o comboio que transporta a tocha já passou por três UCs - Parque Nacional de Brasília (DF), no dia 3, Parque Nacional Histórico do Monte Pascoal (BA), no dia 19, e Parque Nacional da Chapada Diamantina (BA), ontem (23). Daqui pra frente, faltam nove.

. Clique aqui para ver como foi a passagem da tocha no Parque Nacional de Brasília.

A inclusão das unidades de conservação no trajeto da chama olímpica mostra, na visão de gestores do ICMBio, o reconhecimento e a valorização que a sociedade dedica às UCs, não só pelos serviços ambientais que elas oferecem, mas também por serem espaços símbolos da riqueza natural e cultural do Brasil, que merecem ser divulgados para todo o Mundo.

Em Noronha, no Dia Mundial do Meio Ambiente

As próximas UCs a receberem a tocha serão o Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha e a Área de Proteção Ambiental (APA) de Fernando de Noronha, no meio do Oceano Atlântico, a 500 quilômetros de Recife (PE).

O fogo olímpico desembarcará no local no dia 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente. O servidor Gilvânio Ferreira da Silva vai representar o ICMBio no grupo de pessoas que carregará a tocha.

As unidades do Instituto no arquipélago vão aproveitar a passagem do fogo olímpico para comemorar, também nesse dia, os 30 anos de criação da APA de Fernando de Noronha. A atividade, que terá atrações culturais, contará com a participação de alunos da escola local.

Duas unidades no Piauí

No dia 10 de junho, a chama passará por duas UCs no Piauí. Pela manhã, estará no Parque Nacional de Sete Cidades, que ocupa áreas dos municípios de Piripiri e Piracuruca. Será carregada num percurso de 18 km no interior da unidade.

Entre as pessoas que levarão o fogo olímpico, está a condutora de visitantes Maria Janaína de Souza, que trabalha no parque de Sete Cidades há dez anos. O revezamento será feito em três pontos: Tartaruga, Arco-do-Triunfo e vista panorâmica.

À tarde, a tocha será levada à Área de Proteção Ambiental (APA) Delta do Parnaíba, na cidade de Parnaíba. A APA protege a rica biodiversidade do delta, que fica no litoral entre o Piauí e Maranhão. Antes de desembocar no Oceano Atlântico, o rio abre-se em cinco braços, envolvendo 73 ilhas fluviais.

Revezamento em meio a dunas

Três dias depois, em 13 de junho, será a vez do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, em Barreirinhas (MA). A tocha pousará, literalmente, à beira da Lagoa Azul, trazida num helicóptero. O revezamento será feito no meio das dunas.

No dia 24 de junho, o fogo olímpico seguirá para o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso. A previsão é que chegue ao local por volta das 12h40, também trazido num helicóptero, que pousará no estacionamento da cachoeira Véu de Noiva (sede administrativa do parque).

Da cachoeira, será levado, de helicóptero, para a Cidade de Pedras, outro atrativo do parque, para registro de em foto e vídeo no primeiro mirante. Depos, irá para o morro São Jerônimo, novamente pelo ar. Neste local, está prevista a presença de um só condutor da tocha no topo do morro, para imagem aérea.

Grand finale aos pés do Redentor

No dia 30 de junho, a tocha passará por um dos mais belos cenários naturais do Mundo, o Parque Nacional do Iguaçu, que fica na cidade de Foz do Iguaçu, no Paraná, considerado Patrimônio Natural da Humanidade pela ONU e uma das 7 Maravilhas da Natureza.

Ela será conduzida, entre outras pessoas, por um servidor do ICMBio, pelas trilhas e mirantes do parque e deverá ser fotografada e filmada diante das enormes quedas d´água, cuja beleza atrai milhares de visitantes todos os anos à unidade de conservação.

Um mês depois, no dia 29 de julho, a chama olímpica cruzará, de ponta a ponta, a cidade de Petrópolis, na região serrana do estado do Rio de Janeiro, passando pela Área de Proteção Ambiental (APA) de Petrópolis, que possui cerca de 47 mil hectares de seu território dentro do município.

O grand finale do revezamento em unidades de conservação federais ocorrerá no dia 4 de agosto, quando a tocha chegará ao Rio de Janeiro, cidade-sede das Olímpiadas.

Ela será carregada até o alto do Corcovado, no Parque Nacional da Tijuca, onde reina soberano o monumento do Cristo Redentor, considerado o principal cartão-postal do Brasil, e do qual se contempla uma das mais belas paisagens urbanas do Mundo.

O evento deverá reunir milhares de pessoas, já que ocorrerá na véspera da solenidade de abertura dos jogos olímpicos e terá lugar na unidade de conservação mais visitada do País. Somente no ano passado, o parque registrou a entrada de quase 3 milhões de turistas, entre brasileiros e estrangeiros.

Serviço:

CONFIRA AS 12 UNIDADES DE CONSERVAÇÃO QUE FORAM INCLUÍDAS NO ROTEIRO DA TOCHA OLÍMPICA

UCs que já receberam a tocha até a presente data:

3 de maio
. Parque Nacional de Brasília (DF)

19 de maio
. Parque Nacional Histórico do Monte Pascoal (BA)

23 de maio
. Parque Nacional da Chapada Diamantina (BA)

UCs que receberão a tocha nos próximos dias, a partir da presente data:

5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente

. Parque Nacional de Fernando de Noronha e APA de Fernando de Noronha - Fernando de Noronha (PE)
Horário ainda não confirmado, mas provavelmente pela manhã

10 de junho

. Parque Nacional das Sete Cidades - Piripiri e Piracuruca (PI)
Passagem da tocha na UC será entre 9h43 e 10h15

. Área de Proteção Ambiental (APA) Delta do Parnaíba - Parnaíba (PI)
Horário ainda não confirmado, mas, provavelmente, à tarde

13 de junho

. Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses - Barreirinhas (MA)
Revezamento na Lagoa Azul marcado para as 15h30

24 de junho

. Parque Nacional da Chapada dos Guimarães - Chapada dos Guimarães (MT)
Passagem da tocha terá início às 12h40

30 de junho

. Parque Nacional de Foz do Iguaçu - Foz do Iguaçu (PR)
Horário ainda não confirmado, mas previsão é que evento ocorra de manhã

29 de julho

. Área de Proteção Ambiental de Petrópolis - Petrópolis (RJ)
Sem previsão de horário

4 de agosto

. Parque Nacional da Tijuca - Rio de Janeiro (RJ)
Horário não confirmado

IMPORTANTE:

Como os percursos nas cidades ainda estão sendo finalizados pelos comitês locais, há a possibilidade de novas UCs serem incluídas na viagem da chama olímpica pelo País. Caso isso ocorra, faremos o anúncio neste site, assim como divulgaremos antecipadamente qualquer mudança no roteiro acima.

http://www.icmbio.gov.br/portal/ultimas-noticias/20-geral/7948-antes-de-...