As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

((o))eco - http://www.oeco.org.br/
19/10/2014
A natureza misturada com a arte da fotografia

O engenheiro agrônomo Heris Rocha trabalha na Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo. Sensível às questões ambientais e inspirado por fotógrafos de natureza, Heris começou a clicar o meio ambiente e não parou mais. Uma de suas fotos do Parque Nacional da Serra da Bocaina foi selecionada pela equipe julgadora a vencedora do 1o Concurso WikiParques de Fotografia. O Blog do WikiParques fez um ping-pong com Heris, onde perguntamos sobre fotografia de natureza, áreas protegidas e um pouco mais sobre a sua foto vencedora.

O que o levou a se interessar pela fotografia de natureza?

A fotografia começou no período da faculdade, sou Engenheiro Agrônomo e sensível com as questões ambientais. Como já gostava de fotografia, comecei a ver o trabalho de outros fotógrafos, como a família Zuppani, ótimos fotógrafos de natureza, e ai os cliques foram aparecendo e já passaram 11 anos. Melhor, foi a fusão do meu pouco conhecimento com a natureza misturado com a arte da fotografia.

Quais foram as áreas protegidas mais bonitas que você já fotografou?

Então pela diversidade de biomas e seus ecossistemas, cada UC's tem sua beleza peculiar. Mas sou fascinado com a Chapada Diamantina, não só retratando a parte norte, como também a parte sul (Serra das Almas, Cachoeira da Fumacinha...), contudo sou apaixonado pela Mata Atlântica e seus ecossistemas, então me chama atenção também as APA's do sul da Bahia e a Serra do Mar no estado de São Paulo.

Qual área protegida você gostaria de fotografar mais ainda não teve a oportunidade? O que você fotografaria por lá?

Algo que sempre vou adiando e sei que todo fotógrafo de natureza tem que conhecer, pela diversidade em fauna é o Pantanal Matogrossense. Já estou me programando para meados de 2015 e vou em busca de uma imagem da Onça Pintada, mas caso não atinja este objetivo, já fico feliz em conhecer esse bioma.

Conte um pouco sobre a foto vencedora do concurso. Onde ela foi tirada? Foi uma foto difícil de fazer?

Fui fazer umas fotografias no Parque Estadual da Serra do Mar - Núcleo Cunha/Indaiá. Fiquei uns 2 a 3 dias, mas o tempo mudou, céu muito nublado, então resolvi ir para o litoral do RJ, no caso Paraty. No Parque, me falaram que próximo estava o Parque Nacional da Serra da Bocaina. Eu não cheguei entrar no Parque, mas vi a distante uma vegetação de Mata Atlântica e fazendas com Araucárias adjacentes. A foto só saiu boa, pois era bem cedo, os raios de luz estavam ainda pouco paralelo as paisagens, criando uma cena bucólica, além disso a luz estava suave e não dura, prefiro falar incandescente, pois a cor era ainda amarelada. Parei o carro cliquei e já sabia que tinha saído uma boa foto, isso foi em 2012, não foi difícil em fotografar, mas também tive que contar com o tempo e graças ao horário. Fiquei sabendo uns dias atrás que algumas fotos minhas estão expostas no Parque Estadual da Serra do Mar - Núcleo Cunha/Indaiá, quem estiver passando por Cunha, fica mais um passeio, foram algumas imagens que fiz na mesma época da imagem vencedora.

Alguma dica para amadores que querem fotografar a natureza?

Acho que, como toda arte, a fotografia também necessita de um isolamento, para atingir uma sensibilidade. Sempre falo que o fotógrafo de natureza é anti-social quando está fotografando, pois para criar o cenário, se for uma landscape ou paisagem, escutar os animais silvestres, ou seja, aumentar a percepção. Outros fatores importante é acordar sempre cedo, aproveitando os melhores horários de luz e também no final da tarde, além disso sempre ter roupas que camuflem na paisagem, levar comida com pouco peso, água, pois as caminhadas serão boas.

http://www.oeco.org.br/blog-do-wikiparques/28715-a-natureza-misturada-co...