Refúgio de Vida Silvestre Tabuleiro do Embaubal

Área 4.034,00ha.
Jurisdição Legal Amazônia Legal
Ano de criação 2016
Grupo Proteção Integral
Instância responsável Estadual
Documento Decreto - 1566 - 17/06/2016

Mapa

Municípios

Município(s) no(s) qual(is) incide a Unidade de Conservação e algumas de suas características

Municípios - RVS Tabuleiro do Embaubal

# UF Municipality População (IBGE 2018) População não urbana (IBGE 2010) População urbana (IBGE 2010) Área do Município (ha) (IBGE 2017) Área da UC no município (ha) Área da UC no município (%)
1 PA Senador José Porfírio 11.839 6.575 6.470 1.441.991,60 4.054,90
100,00 %

Ambiente

Fitofisionomia

Fitofisionomia (cursos d'água excluídos) % na UC
Floresta Ombrófila Densa 100,00

Bacias Hidrográficas

Bacia Hidrográfica % na UC
Xingu 100,00

Biomas

Bioma % na UC
Amazônia 100,00

Gestão

  • Órgão Gestor:
  • Tipo de Conselho:
  • Year of creation:

Documentos Jurídicos

Documentos Jurídicos - RVS Tabuleiro do Embaubal

Tipo de documento Número Ação do documento Data do documento Data de Publicação Observação Download
Decreto 1566 Criação 17/06/2016 20/06/2016 Cria o Refúgio de Vida Silvestre Tabuleiro do Embaubal com área de 4.033,94 hectares (quatro mil trinta e três hectares e noventa e quatro centiares), abrangendo área territorial do município de Senador José Porfírio.  

Documentos de gestão - RVS Tabuleiro do Embaubal

Tipo de plano Ano de aprovação Fase Observação

Sobreposições

Não existem sobreposições desta Unidade de Conservação com outras Áreas Protegidas.

Principais Ameaças

Desmatamento na Amazônia Legal

Este tema apresenta a análise dos dados de desmatamento produzidos pelo Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal (Prodes), que mapeia somente áreas florestadas da Amazônia Legal. Os dados do Prodes não incluem as áreas de cerrado que ocorrem em muitas Unidades de Conservação no bioma Amazônia.

Focos de calor

Área de abrangência do ponto: um foco indica a possibilidade de fogo em um elemento de resolução da imagem (pixel), que varia de 1 km x 1 km até 5 km x 4 km. Neste pixel pode haver uma ou várias queimadas distintas, mas a indicação será de um único foco. Se uma queimada for muito extensa, será detectada em alguns pixeis vizinhos, ou seja, vários focos estarão associados a uma única grande queimada.

Total identificado de desmatamento acumulado até 2000: 0 hectares
Total identificado de desmatamento acumulado até 2005: 18 hectares

Características

O Refúgio de Vida Silvestre Tabuleiro do Embaubal foi criado através do Decreto No 1.566, DE 17 DE JUNHO DE 2016, com uma área correspondente a aproximadamente 4.033,94. O REVIS Tabuleiro do Embaubal, localiza-se no município de Senador José Porfírio no estado do Pará e está inserido dentro da Bacia do Xingu. A criação da UC visa preservar a vida silvestre, a fauna e flora, os ambientes naturais onde se asseguram a existência ou reprodução de espécies ou comunidades da flora local e da fauna residente ou migratória; reservação do rico patrimônio biológico do Rio Xingu, como quelônios, aves migratórias e demais espécies da fauna amazônica em situação de vulnerabilidade;proteger o tabuleiro do embaubal em virtude da sua alta vulnerabilidade e extrema importância na reprodução dos quelônios que desova em grande quantidade naquele local; preservação do Tabuleiro do Xingu como importante para biodiversidade e prioridade de ação extremamente alta, com ocorrência de peixe boi, reprodução de ninhais e tartarugas; assegurar a pesquisa científica e propor ações que diminua o risco de espécies ameaçadas serem extintas. Há também a possibilidade desenvolvimento de atividades de visitação pública e pesquisas científicas desde que estabelecidas pelo Plano de Manejo e com prévia autorização do órgão responsável pela administração.

























Art. 3o A criação do Refúgio de Vida Silvestre Tabuleiro do Embaubal tem por objetivos:
I - preservar a vida silvestre, a fauna e fl ora, os ambientes naturais onde se asseguram a existência ou reprodução de espécies ou comunidades da fl ora local e da fauna residente ou migratória;
II - preservação do rico patrimônio biológico do Rio Xingu, como quelônios, aves migratórias e demais espécies da fauna amazônica em situação de vulnerabilidade;
III - proteger o tabuleiro do embaubal em virtude da sua alta vulnerabilidade e extrema importância na reprodução dos quelônios que desova em grande quantidade naquele local;
IV - preservação do Tabuleiro do Xingu como importante para biodiversidade e prioridade de ação extremamente alta, com ocorrência de peixe boi, reprodução de ninhais e tartarugas;
V - assegurar a pesquisa científica e propor ações que diminua o risco de espécies ameaçadas serem extintas.
Art. 4o No Refúgio de Vida Silvestre poderão ser desenvolvidas atividades de visitação pública e pesquisas científicas desde que estabelecidas pelo Plano de Manejo e com prévia autorização do órgão responsável pela administração.

Notícias

Total de 14 notícias sobre a área protegida RVS Tabuleiro do Embaubal no banco de dados RSS

Ver todas as notícias dessa área protegida

 

As notícias publicadas neste site são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.